A INOVAÇÃO DO FOOD SERVICE EM 2021: DARK KITCHENS

A INOVAÇÃO DO FOOD SERVICE EM 2021: DARK KITCHENS -

O ano de 2020 trouxe e deixou desafios para todos os segmentos do mercado. Foi necessário inovar de diversas maneiras.

Desta forma, estabelecimentos tiveram que adequar toda sua estrutura para conseguir realizar suas atividades, tendo que modificar a forma de atendimento, limitar o cardápio e seguir as normas sanitárias exigidas.

A alternativa para grande maioria foi migrar para o sistema delivery, onde foi possível manter o funcionamento sem infringir as normas.

Porém muitos estabelecimentos não conseguiram se adaptar e se manter em meio a tantas adversidades e acabaram fechando as portas.

Observando o cenário atual e desconsiderando a hipótese de encerrar as atividades, muitos estabelecimentos estão migrando para a grande promessa de 2021, o sistema das Dark Kitchens.

O QUE SÃO AS DARK KITCHENS?

As Dark Kitchens são estabelecimentos do ramo alimentício que fazem uso exclusivamente do sistema delivery.

Elas existem fisicamente somente no espaço direcionado para o produção dos alimentos, nada de salão, mesas ou atendimento presencial.

Uma Dark Kitchen pode ser também uma cozinha compartilhada, onde num mesmo meio de produção operam diversos restaurantes.

Desta forma as Dark Kitchens funcionam como uma espécie de coworking (trabalho colaborativo) do food service, onde algumas empresas ou restaurantes dividem o mesmo espaço de trabalho.

QUAIS AS VANTAGENS DESTE NOVO SEGMENTO DO FOOD SERVICE?

As Dark Kitchens apresentam vantagem para ambos os lados, tanto para consumidor, quanto para empreendedores.

Para você que quer empreender num ramo inovador ou quer migrar seu restaurante para o sistema delivery, esta é uma das melhores opções.

Por funcionar somente através do sistema delivery, sem atendimento presencial, o proprietário não precisa de uma locação em zonas comerciais ou de grande movimentação e visibilidade, que costumam cobrar valores bem mais altos devido sua boa localização.

Desta forma, buscando regiões mais afastadas do panorama comercial, é possível economizar, e muito, nas instalações do seu novo restaurante.

Outra forma de economizar e que também acabou sendo uma das principais características das Dark Kitchens, é o compartilhamento do espaço com outros restaurantes.

Um food service desta vertente, funciona como uma cozinha compartilhada, onde pode encontrar um, dois, três ou mais restaurantes funcionando na mesma área de trabalho.

Portanto, os restaurantes, grupos ou marcas que exercem funções no local compartilhado, também dividem as despesas como embalagens, contas fixas, funcionários, despesas com delivery, etc.

COMO FAZER A MINHA DARK KITCHEN DAR CERTO?

Todo tipo de negócio, independente do segmento, precisa de investimento e dedicação, e não seria diferente com as Dark Kitchens.

Para que seu restaurante delivery dê certo, é preciso, como qualquer outro, de planejamento.

Selecionar a equipe, parcerias, fornecedores, adaptar o cardápio ao delivery e diversas outras questões.

Mas neste novo segmento é preciso criar uma imagem do seu restaurante para o cliente, já que não terá um espaço físico para ser apresentado.

As plataformas delivery apresentam diversas opções, onde o cliente pode escolher de acordo com os mais variados critérios.

Por isso, ter sempre um bom atendimento e ter presença nas redes sociais é crucial para o sucesso do seu negócio.

A Dark Kitchen é uma grande oportunidade para você empreender ou revolucionar o seu negócio, com economia, praticidade e tudo isso numa vertente muito promissora.

 

 


  Automação